Colégio Nossa Senhora da Piedade

Nasce o Coral Piedade Júnior!

Cantar faz parte da vida, as pessoas cantam para expressar
seus sentimentos, alegrias ou tristezas, cantam também em cerimônias religiosas como
forma de exaltar a Deus. Afinal, com diz o ditado, quem canta, seus males espanta. Segundo estudos feitos por pesquisadores japoneses, a prática do canto pode retardar doenças e melhorar a qualidade de vida dos idosos. E porque não adquirir essa prática de cantar desde criança?

No Colégio Piedade, março de 2018 foi um mês especial pois marcou os primeiros ensaios do Coral Piedade Júnior. Mais de 30 crianças do Ensino Fundamental I, o Piedade Júnior, participaram do ensaio ministrado pela professora Cristiane Silva.

Depois de muito ensaio no auditório já foi possível perceber resultados significativos e as crianças saíram animadas com o projeto criado. Assim, o Coral Piedade Júnior pretende acompanhar a história do Colégio Piedade e encontrar no canto uma forma divertida de preencher as tardes dos alunos, proporcionando, com a música, leveza e ludicidade ao dia-a-dia da escola.

Segundo Cleodiceles Branco Nogueira de Oliveira, especialista em Coral Infantil, explica em seu estudo “A prática do canto coral infantil como processo de musicalização”, na Universidade Estadual de Campinas, que o coral na Escola tem uma importância muito grande como forma de se fazer música com a participação ativa das crianças. É uma atividade que se torna prazerosa,
pois faz com que a criança explore seu potencial vocal. Cleodiceles explica também que, através da prática do canto coral, são desenvolvidas atividades importantes na formação social da criança uma vez que é despertado na criança a necessidade de relacionar-se com o colega do coro, desenvolvendo a personalidade, o respeito com o próximo, além de ser uma atividade que exige bastante organização e disciplina, pois é preciso estar atento para aprender o repertório e comparecer aos ensaios nos horários marcados. Isso faz com que a criança aprenda a ter compromisso com suas responsabilidades desde cedo, levando esses princípios para toda a vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *